09-CAMINHADA PARA SAÚDE
CAMINHADA PARA SAÚDE Podemos denominar de cooperismo a doutrina preventiva e curativa do Dr. Cooper, mundialmente conhecido pelo inusitado de suas idéias no campo da pesquisa e prática médica. De início, o Dr. Cooper indicou corridas solitárias não competitivas, de velocidade média. A vantagem obtida com o esforço aeróbico da corrida, em contra partida, revelou alta freqüência de lesões articulares, especialmente nos pés e joelhos. A evolução das novas pesquisas apontou afinal para a troca da corrida, que traumatizava as juntas, pelo caminhar simples, um pouco aligeirado. Hoje, incentiva-se a caminhada como se fosse a marcha do soldado, corpo ereto, coluna esticada, passo firme. Trinta minutos diários ou duas a três vezes por semana, levam certamente a uma melhor oxigenação dos tecidos, mobilização das trocas bioquímicas cerebrais e tonificação dos músculos, fortificação do coração e regularização do ritmo cardíaco. Esse processo é preconizado pelos médicos e professores de educação física de todo o mundo como parte do arsenal contra as doenças. A dança representa uma agradável caminhada ditada pela marcação do ritmo e pela batida da percussão na audição da música. As melhores indicações terapêuticas da dança são fraqueza muscular, alterações do coração e principalmente problemas da área psicológica: depressão, ansiedade, angústia e timidez; realmente em todo os problemas patológicos os resultados são surpreendentemente bons e se estabelecem melhorias a curtíssimo prazo. O tratamento exclusivo, ou auxiliar, feito com a dançaterapia é barato e efetivo, revelando resultados favoráveis em curto prazo.
Voltar