02-DANÇATERAPIA
DANÇATERAPIA A dança pode ser ensinada e praticada sem música, constituindo-se na exteriorização do ritmo interno, uma espécie de mecanismo natural na atividade fisiológica do ser humano. A Professora Maria Fux no seu livro "Dançaterapia" (Editora Summus, S.P.), relata sua longa experiência no tratamento de crianças surdas que, no final de um tempo razoável, revelam-se altamente sociáveis no exercício da dança dirigida, melhorando em muito seu comportamento e sociabilidade. No mesmo passo, fica fácil deduzir sobre os efeitos favoráveis da dança e da música nas pessoas capazes de ouvir e, portanto, passíveis de se beneficiar dos influxos das ondas sonoras, fazendo vibrar os tímpanos: é nessa circunstância que a música se revela muito útil, induzindo o ritmo do som cobre as células do cérebro e, daí, se disseminando sôbre cada porção do corpo humano, quando se associam música e dança. Na verdade, o som não fica reduzido a uma ação localizada, mas sim, age através dos centros nervosos sôbre todo o corpo. A partir da estimulação sonora no organismo, os músculos respondem com a dança num verdadeiro exercício da psicomotricidade ampla que passa a disciplinar os movimentos e educar a atividade mental e emocional no sentido da harmonia, do comportamento e da paz interior. Considerando os benéficos resultados da dança e da música, podemos aplicar, com proveito, de modo preventivo e curativo, a chamada coreoterapia, ou seja, terapia psicológica pela dança, conforme ensina a autora Eline Rennó na bela obra "Coreoterapia, Terapia Através da Dança" (Editora Interlivros, MG). Se analisarmos bem, todo professor de dança é, em princípio, um terapeuta, na medida em que procura ensinar a seus alunos e suas alunas que comandem sua própria movimentação e controlem sua ansiedade no sentido de, por meio da regularidade do ritmo, da harmonização do som e da coordenação dos movimentos, chegarem a atingir a beleza estética que é uma das mais legítimas aspirações do homem, desde sua origem no mundo. Wilson Ayres Côrtes médico psiquiatra CRM-SP 7629 cortesdi@ig.com.br
Voltar