92- Nossa Maior Riqueza
 Nossa Maior Riqueza
 
 
Parece ironia, mas o indivíduo que participa do desenvolvimento social, gerando o progresso, é atacado por uma doença que o impede de gozar as delícias da evolução produzida por êle mesmo. É o estresse, o mal que leva uma pessoa a uma estafa crônica, anulando a sua vontade individual , deixando-a apática, irritável, explosiva, depressiva, angustiada, briguenta e incapaz para o trabalho.
 
Muitas vezes, o quadro pode evoluir para o desencadeamento do trantorno bipolar, se o indivíduo tem uma constituição genética propícia.
 
O progresso traz consigo muito conforto, mas a sua produção, ao mesmo tempo, expõe as pessoas a frequentes agressões ao seu físico e ao seu psiquismo, provocando desordens somáticas e psíquicas. Quem tem a sáude abalada, se torna presa fácil, principalmente do estresse e do transtorno bipolar, que têm cura complicada porque exigem muito repouso e muita disciplina quanto aos remédios. O tratamento é prolongado,  podendo durar muitos anos.
 
Tendo em vista ser o estresse uma doença da modernidade, que faz a pessoa perder a saúde sem perceber, é preciso tomar uma atitude prevencionista e continuada, para com a própria saúde.
 
Só assim será possível usufruir do bem que se produz, da riqueza que, muitas vezes, construimos sem a consciência de que o produto do nosso trabalho deve servir à felicidade de todos.
 
Wilson Ayres Côrtes
Médico psiquiatra
CRM-SP 7629
 

Voltar