89-OXICOLESTEROL
Enquanto nos preocupamos com o triglicéride, o colesterol e o ldl-colesterol (colesterol mau); enquanto buscamos aumentar nosso hdl-colesterol (colesterol bom), eis que aparece mais um fator de preocupação: o oxicolesterol.
 
No Congresso Americano de Química, realizado na segunda quinzena de agosto, anunciou-se a existência do oxicolesterol, mais um vilão para mobilizar a atenção de médicos e pacientes. Essa substância resulta da oxidação do colesterol que consiste na reação química do oxigênio do sangue sobre as gorduras em excesso na circulação.
 
Esse novo elemento se deposita nas paredes do interior dos vasos, obstruindo a passagem do sangue e causando os infartos; o infarto resulta na necrose (morte) dos tecidos, falência funcional do órgão e, muitas vezes, danos irreparáveis e até óbito.
 
Para prevenir a formação de oxicolesterol indica-se dieta sem fritura, evitação de gordura, uso abundante de frutas, verduras e legumes, além de exercícios físicos, especialmente caminhadas sistemáticas.
 
Wilson Ayres Côrtes
Médico psiquiatra
CRM-SP 7629
 

Voltar