94-Amor Capenga
Amor Capenga

O amor capenga é aquele que, embora manquejante, consegue andar. E, às vezes, vai longe no tempo; pode mesmo chegar a ser eterno. Mas êsse amor não é o amor dos nossos sonhos. O amor que se almeja não chega a ser perfeito, pode ter suas eventuais falhas geométricas porém, certamente,  não lhe faltará a indispensável simetria; é daqui p'rá lá e de lá p'rá num incessante vai-e-vem de dupla troca. Fala-se, com razão, em "feed-back", sim, isto mesmo, retro-alimentação: eu dou papinha na sua boca e você dá papinha na minha boca; pronto! Estamos ambos nutridos, saudáveis e viçosos. Os eflúvios do amor bilateral nos faz mais jovens ao mesmo tempo que nos propicia longevidade.



Voltar